O número de mortes associadas ao vírus subiu para 43 em Portugal, revelou hoje a Direção-Geral da Saúde (DGS)

A diretora-geral da Saúde admitiu hoje que Portugal tem transmissão comunitária do vírus que provoca a doença da covid-19, mas assegurou que não está descontrolada.

“Temos transmissão comunitária, não exuberante, não descontrolada, mas temos”, afirmou hoje Graça Freitas na conferência de imprensa diária que se realiza no Ministério da Saúde, em Lisboa.

A diretora-geral da Saúde disse ainda que a partir da meia-noite de hoje vai entrar em funcionamento um novo plano para abordar a covid-19.

“Vamos passar das medidas da fase de contenção para as medidas da fase de mitigação. Como em todas as mudanças, a fase de transição pode ter alguma turbulência” porque “não se muda de paradigma assistencial de um dia para outro sem que exista turbulência”.

A partir das 00:00 hospitais e centros de saúde vão ter que se adaptar a novas regras para responder a esta fase.

O número de mortes associadas ao vírus que provoca a covid-19 subiu para 43 em Portugal, revelou hoje a Direção-Geral da Saúde (DGS), num boletim que regista 2.995 casos de infeção.

foto/DR

Lusa/AExp. Online