Mais de 863 mil mortos e 26 milhões de infetados em todo mundo pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, que causa a doença COVID-19

A pandemia do novo coronavírus já causou a morte de pelo menos 863.679 pessoas e infetou mais de 26 milhões em todo o mundo desde dezembro, segundo um balanço da agência AFP baseado em dados oficiais.

De acordo com os dados recolhidos pela agência francesa de notícias, já morreram pelo menos 863.679 pessoas e há 26.074.140 infetados em 196 países e territórios desde o início da epidemia de covid-19, em dezembro de 2019, na cidade chinesa de Wuhan.

Pelo menos 17.071.200 casos foram considerados curados pelas autoridades de saúde.

A AFP adverte que o número de casos diagnosticados reflete apenas uma fração do total real de infeções, já que alguns países estão a testar apenas casos graves, outros usam o teste como uma prioridade para rastreamento e muitos países pobres têm apenas capacidade limitada de rastreamento.

Nas últimas 24 horas foram registadas 5.944 novas mortes e 265.250 novos casos em todo o mundo. Os países que registaram o maior número de novas mortes são o Brasil (1.184), Estados Unidos (1.080) e Índia (1.043).

Os Estados Unidos são o país mais afetado em termos de mortes e casos, com 185.752 óbitos e 6.115.030 casos, de acordo com um balanço da Universidade Johns Hopkins. Pelo menos 2.231.757 pessoas foram declaradas curadas.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados são o Brasil com 123.780 mortes e 3.997.865 casos, Índia com 67.376 mortes (3.853.406 casos), México com 65.816 mortes (610.957 casos) e o Reino Unido com 41.514 mortes (338.676 casos).

A China (excluindo os territórios de Hong Kong e Macau) contabilizou oficialmente um total de 85.077 casos (11 novos entre quarta-feira e hoje), incluindo 4.634 mortes (nenhum novo) e 80.251 recuperações.

América Latina e Caraíbas totalizaram 282.980 mortes e 7.514.827 casos, a Europa 216.845 mortes (4.061.430 casos), Estados Unidos e Canadá 194.923 mortes (6.244.721 casos), Ásia 100.879 mortes (5.427.187 casos), Médio Oriente 37.014 mortes (1.526.761 casos), África 30.316 mortes (1.269.758 casos) e Oceânia 722 mortes (29.460 casos).

O balanço foi realizado a partir de dados recolhidos pelas delegações da AFP junto das autoridades nacionais competentes e de informações da OMS.

Portugal, de acordo com o último relatório da Direção-Geral da Saúde (DGS), contabiliza 1.827 mortos associados à covid-19 em 58.633 casos confirmados de infeção.

foto/DR

Lusa/AExpresso