O Secretário Regional da Saúde, Rui Luís destacou a importância dos cursos em Suporte Básico de Vida dirigidos à população para ajudar a salvar de vidas

Foto/DR

O Secretário Regional da Saúde realçou ontem, na Praia da Vitória, a importância de fazer chegar à população em geral a formação em Suporte Básico de Vida para salvar vidas.Rui Luís, que falou à margem de um curso de ‘Mass Training’ em Suporte Básico de Vida promovido pelo Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores, em simultâneo nas nove ilhas, frisou que “as técnicas adquiridas através desta formação permitem uma rápida atuação numa situação de paragem cardiorrespiratória, que pode ser determinante para salvar uma vida”.

Este tipo de treino apresenta uma elevada componente prática, onde os formandos têm oportunidade de adquirir competências que possibilitam uma correta atuação perante uma vítima, iniciando as manobras de Suporte Básico de Vida até chegar ajuda diferenciada.

É uma formação recomendada à população em geral, e não só a profissionais de saúde e agentes da proteção civil, que, neste evento, conta com 210 participantes orientados por nove formandos e 22 monitores.

“O número de inscritos superou as vagas, o que demonstra bem o interesse despertado junto do público em geral por este tipo de iniciativas” acrescentou  Rui Luís, que “quanto mais pessoas conhecerem as técnicas e o modo de atuar em caso de paragem cardiorrespiratória, maior será a probabilidade de sobrevivência das vítimas”.

Nesta formação são treinados conteúdos relacionados com o Algoritmo Básico de Vida, Compressões e Insuflações e a Posição Lateral de Segurança.

Pretende-se facultar aos formandos a oportunidade de adquirir competências que possibilitarão, para além dos procedimentos adequados a adotar perante uma vítima de paragem cardiorrespiratória, saber a informação a transmitir ao ligar 112 e, posteriormente, iniciar as manobras de Suporte Básico de Vida até chegar a ajuda.

Esta ação de formação realizada pela primeira vez em simultâneo em toda a Região assinala o Dia Mundial do Coração, que se comemora a 29 de Setembro.

A Federação Mundial do Coração escolheu este dia para celebrar mundialmente a efeméride com o objetivo de divulgar perigos das doenças do coração e prevenir possíveis ataques, uma vez que a doença cardíaca e o acidente vascular cerebral são as principais causas de morte em todo o mundo.

 

AExpresso Online